17/08/2016

Resenha: Difamação - Renée Knight

Título original: Disclaimer 
Autor(a): Renée Knight
Editora: Suma de Letras
Nº de páginas: 240
Ano: 2015
Encontre: Skoob
Avaliação: Muito bom
Imagine que você encontre um livro sobre a sua vida, que revele um segredo que você manteve escondido da sua família por vinte anos e que você achava que ninguém mais soubesse. Um segredo devastador. Catherine Ravenscroft chegou à meia-idade levando uma vida perfeitamente normal: é casada, tem um filho, ama o emprego, gosta de ler nas horas vagas. Agora que o filho cresceu e seguiu seu próprio rumo, ela e o marido decidiram se mudar para uma casa menor. Em meio ao caos da mudança, Catherine encontra O completo estranho, um livro que não se lembra de ter comprado. Intrigada, ela inicia a leitura, mas logo se dá conta de algo terrível. O que está ali não é ficção. A narrativa traz, com riqueza de detalhes, o dia em que Catherine se tornou refém de um segredo sombrio. Até então, ela achava que ninguém mais sabia o que havia acontecido naquele verão, vinte anos antes. Pelo menos ninguém ainda vivo. Agora o mundo perfeito de Catherine está desmoronando, e sua única esperança é encarar o que realmente aconteceu naquele dia fatídico. Mesmo que a verdade possa destruí-la.
Oi pessoal, tudo bem por aí? Hoje eu estou aqui para resenhar o livro "Difamação", da Renée Knight. Confesso que eu não conhecia a autora e fui pesquisar um pouco mais sobre ela: antes de se tornar escritora de ficção, suspense e mistério, Knight dirigia documentários de arte e era roteirista da BBC (emissora pública de rádio e televisão do Reino Unido); atualmente, ela mora em Londres com o marido e dois filhos. 
A sinopse e capa desse livro chamaram a minha atenção instantaneamente e não pude deixar de lê-lo. Confesso que eu esperava mais; por já estar "acostumado" com o gênero, algumas reviravoltas foram bem previsíveis para mim, mas a história não deixa de ser muito boa e surpreender em alguns momentos. 

Catherine Ravenscroft não poderia ter uma vida melhor. Aparentemente, nada pode abalar o momento em que está vivendo. Isso é o que ela pensava, até encontrar O Completo Estranho em sua casa, uma obra que reserva muitas surpresas para uma pessoa em especial: ela. O que está escrito naquelas páginas não é ficção, mas um relato completo de algo que ela escondeu de todos. Como alguém desconhecido poderia ter escrito algo sobre a sua vida com tamanha riqueza de detalhes? 

O segredo volta a aterrorizá-la, de forma cruel e lenta, ameaçando destruir a sua vida e a de sua família (seu marido, Robert, e de seu filho, Nicholas). Catherine não pode compartilhar o seu problema com ninguém, então, tenta resolvê-lo sozinho, se afogando cada vez mais. 

De outro lado da história, outros personagens nos são apresentados, mas não vou me aprofundar neles para não dar spoilers


Como eu disse mais acima, eu esperava que o livro me surpreendesse mais. Sim, a autora desenvolveu uma ótima história, mas eu esperava reviravoltas menos previsíveis, pelo menos para mim. Acredito que seja porque já estou acostumado com o gênero e faço várias teorias quando estou lendo algum livro de suspense e mistério. 

A narração da história é em primeira e terceira pessoa, o que eu achei bem confuso. Isso não atrapalha o entendimento, mas é estranho acompanhar a narrativa de um personagem em primeira pessoa e outro em terceira. O presente da narração é 2013, mas voltamos, constantemente, a 1993 e outros anos para entender vários fatos e saber como se deram certos acontecimentos. 

Os personagens são bem construídos e o leitor pode ter vários sentimentos diferentes sobre um só. Eu, por exemplo, senti empatia pela protagonista algumas vezes, e em outras ela me causou bastante raiva. Eu adorei, inclusive, o modo como ela foi construída: nem mocinha, nem vilã. E é interessante ver como o seu forte ego vai sendo destruído aos poucos, mas sem deixar sua essência enigmática de lado e continua traçando planos para contornar a situação. Voltando ao ponto de que os personagens são capazes de causar emoções diferentes no leitor, posso afirmar que só no final eu fui capaz de estabelecer um sentimento específico para cada um, depois de tudo ter sido devidamente explicado. 

A edição está ótima e a Suma de Letras, mais uma vez, está de parabéns! A capa é muito bonita, simples, e combina bastante com a história; as folhas amareladas facilitam a leitura, somadas à fonte que também me agradou. A diagramação está perfeita e a obra foi muito bem revisada.  

A leitura é de fácil compreensão e qualquer um é capaz de entender a história, sem nenhum problema. É uma obra muito boa para quem quer está começando a ler o gênero, pois não requer nenhum conhecimento prévio e, talvez, não corra o risco de não surpreender, como aconteceu comigo. Beijos, até a próxima!

21 comentários:

  1. Oi, não conhecia o livro, mas adorei a resenha. Gosto muito do gênero e com certeza daria uma chance para o livro.
    Abraços
    http://litaralmentelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá
    eu não conhecia a autora, mas é ótimo mesmo pesquisar a seu respeito antes de iniciar a obra. A premissa parecer ser instigante e fiquei curiosa sobre todos os personagens e a ambientação de modo geral. Também acho que fica confuso misturar primeira e terceira pessoa. Enfim, adorei sua resenha!
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  3. Olá Gleydson,
    Ainda não conhecia nem a autora e nem a obra e achei muito bacana você ter pesquisado sobre ela. Confesso que fiquei um pouco decepcionada em relação ao livro por ele conter reviravoltas previsíveis. Outra coisa que não me agradou muito foi a narrativa ser em primeira e terceira pessoa, acho que isso não dá muito certo.
    Enfim, parabéns pela resenha, mas o livro não me convenceu.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  4. Adoro esses livros de suspense e ainda que seja clichê a expectativa da espera pela conclusão é o melhor para mim eu não lembro de já ter tido contato com essa autora acho q vou pesquisar como você kkkkk. Não conhecia esse livro adorei a resenha.
    Bju
    Mary Reis

    ResponderExcluir
  5. Oi Gleydson!
    Eu não conhecia o livro, mas como suspense é um dos meus gêneros favoritos, fiquei bem curiosa para ler.
    A ideia da história eu já vi em alguns outros livros, mas eu acho muito legal. Então isso não me atrapalharia. Acho muito interessante você achar um livro que conta sua vida inteira. Imagina? Deve ser estranho, assustador e dependendo da situação eletrizante ao mesmo tempo.
    Apesar de amar esse gênero, sou meio lerda para descobrir o desfecho, então com certeza ia me surpreender, rsrs.
    Gostei que a autora não deixou a protagonista nem como vilã, nem como mocinha.
    Adorei a resenha.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Que pena que o livro não te surpreendeu! Péssimo quando isso acontece em um exemplar do gênero... gosto muito de ser surpreendida. Difamação é um livro que chamou minha atenção desde o lançamento, porém ainda não tive a oportunidade de ler. Espero poder fazer isso logo. Sua resenha ficou ótima! :D
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Aparentemente esse livro mostra pra gente não tentar resolver algumas coisas sozinho. Também sou dessa de fazer várias teorias e acabar não se surpreendendo com algumas coisas. Acho que irei ler o livro por gostar desse gênero e porque você falou que a autora consegue mexer com nossas emoções.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Ainda não conhecia o livro e fiquei interessada, a começar da capa que não está muito no padrão do livro que apresenta. Acho que eu também acabaria esperando mais reviravoltas e menos clichês, mas ainda assim, quero conferir.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro, mas a trama parece ser mega interessante. Não sei o que faria se encontrasse um livro sobre minha vida... haha.
    Mas que pena que não conseguiu te surpreender, que foi meio previsível.
    Mas pelo menos compensa tendo personagens bem construídos né?
    Ótima resenha!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  10. Gosto de personagens que nos causam sentimentos dúbios, pois todos somos assim. Amamos, mas há momentos "que não gostamos" da pessoa amada (rs). Faz parte. Gostei de conhecer um pouco sobre a autora, mas é uma pena que houve cenas um tanto previsíveis para você. Imagino que quando lemos muito de um mesmo gênero se torne mais complicada ser surpreendido.

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    De cara o que mais chamou minha atenção foi a capa do livro.
    Lendo a sinopse fiquei estagnada e querendo saber mais sobre a trama.
    A resenha pôde me dar uma bela visão do que podemos encontrar na obra e adorei.
    Estou me corroendo aqui para saber que segredo é esse escondido por trás das páginas do livro encontrado.
    Uma pena que você não o achou tão surpreendente, mas sim meio previsível. Ainda assim, me parece uma excelente leitura.
    Não conhecia o seu blog e adorei, achei muito aconchegante e gostoso de navegar. Já estou seguindo, se quiser venha conhecer o meu também.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oie, tudo bem?

    Confesso que assim que bati o olho na capa torci a cara, paciência. Foi a sinopse que me conquistou. Eu não sou acostumada a ler livros de mistérios ou suspense, talvez seja por isso que me intrigou tanto. Tipo, eu gosto de ler esse gênero, sabe? Mas é raridade eu pegar um livro desses pra ler então sempre fico chocadaney, surpresa. Eu li A Garota Exemplar e enquanto alguns disseram ter achado previsível certas coisas e adivinhado antes da metade do livro o mistério, eu fiquei besta em cada revelação. Talvez seja isso mesmo que você pontuou, você já tá acostumado então já tem a manha.

    Eu achei bem original essa coisa de a pessoa achar um livro com a história da vida dela, mas confesso que conforme você foi falando a minha expectativa diminuiu um pouco. Tipo, eu curti pakas a sinopse, mas um livro em 1º e 3º pessoa? Ao mesmo tempo, bem dizer? Sei lá. Ousada a autora por fazer isso.

    E vem cá, qual era o segredo dela? Quero spoiler huehue

    Meu email pra você me enviar (se puder) : katherslynne@gmail.com

    Beijoooos

    ResponderExcluir
  13. Olá
    Eu até curto ler obras que tratam de mistérios, suspenses, mas como a lista de leitura sempre está aumentando, é importante fazer alguns filtros. Pelo seu relato a obra tem seu valor, pareceu a mim que é bem criativa, mas como você pontua, há troca de vozes, isso com certeza não deveria ocorrer. Eu filtro meus livros primeiro pela capa e título, itens que essa obra já não seria aprovada... Muitas vezes dou um tiro no pé... "Nunca julgue um livro pela capa!" Mas tendo em vista seu parecer, vou deixar passar a dica.. Parabéns pela resenha e sinceridade!
    Atá mais

    ResponderExcluir
  14. Olá, Gleydson

    Eu não conhecia o livro, acredita? Mas adorei a sinopse e mesmo com as suas ressalvas quero ler o livro já!
    Estou super curiosa para saber o que aconteceu no passado, como faz? Tô sem dinheiro! hahahaha
    Adoro o gênero e espero poder ler em breve, e sinto cheiro de adaptação cinematográfica! hahaha

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Já li alguns livros com essa mistura de narrativa em primeira e em terceira pessoa, na primeira vez estranhei demais, mas sabe que acabei me acostumando? Não estou muito acostumada com o gênero e acho que por isso o livro me surpreenderia mais, e fiquei bem curiosa para saber quem escreveu o tal livro e qual é o segredo sombrio da personagem. Gosto desse tipo de leitura em que só conseguimos formar uma opinião sobre os personagens no final, vou ler se tiver oportunidade.

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia o livro e achei super interessante este enredo. Que tipo de segredo esta mulher está escondendo? E que surreal descobrir que está relatado em um livro! Outro fato que amei foi ela nem ser mocinha e nem vilã, afinal nós temos mesmo ambos os lados dentro de cada um, não é? Obrigada pela dica.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Eu ainda não conhecia o livro mas mesmo gostando do desenvolvimento eu não me senti tão atraída para comprar e começar a leitura. Achei a sua resenha bem detalhada e gostei de ver a sua sinceridade. Confesso que fiquei curiosa mas não ao ponto de correr para comprar.

    ResponderExcluir
  18. O quase sempre me atrapalha em livros de suspense e mistério é que fico criando mil suposições e acabo não deixando o enredo me surpreender, mesmo assim são gêneros que adoro e achei o enredo super diferente e que já me despertou uma curiosidade. Tenho certeza que também irei passar por situações de amor e ódio pela personagem

    ResponderExcluir
  19. Você olhando a capa finalmente entendo ditado: Não julgue o livro pela capa. Rs. Pelo que contou em sua resenha o livro merecia uma capa bem mais chamativa, livros de suspense me levam ao êxtase literal. Simplesmente amo de paixão.
    www.saotantas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem? :)
    Não consegui perceber muito bem sobre o que história trata afinal :/ mas pela sua resenha percebi que não seria um livro que me agradasse. Amo distopias, NA e YA e embora esteja tentando sair da minha zona de conforto, o livro tem de me chamar a atenção de alguma maneira.
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  21. Amei o blog, ainda não conhecia.
    Segue meu blog, estou te seguindo como Art of life and books.
    Art of life and books

    ResponderExcluir

© Acampamento da Leitura | 2014-2017. Todos os direitos reservados.
Layout por Gleydson.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo